top of page
Buscar

USDA fez cortes na produção de milho americano

Porto Alegre - RS - Brasil: 11/08/2023

Fonte: USDA - Departamento de Agricultura dos Estados Unidos da América


Da mesma forma que as estimativas de colheita da soja, o milho também sofreu cortes, como já era esperado pelo mercado.


A produtividade norte-americana do cereal caiu de 185,67 para 183,16 (redução de 1,35%) sacas por hectare, levando a safra de 389,15 para 383,84 milhões de toneladas (redução e 1,36%, correspondendo a 5,31 milhões de toneladas).


Demais números:

  • Os estoques finais caíram de 57,45 para 55,93 milhões de toneladas (menos 2,65%).

  • As exportações, que caíram de 53,34 para 52,07 milhões de toneladas (menos 2,38%).

  • As importações ficaram mantidas em 640 mil toneladas.

  • Foram mantidas 134,63 milhões de toneladas para o consumo interno e produção de etanol.

Estimativas mundiais:


No cenário global, a produção foi reduzida, nas estimativas do USDA, de 1.224,47 para 1.213,50 bilhão de toneladas, levando os estoques finais de 314,72 para 311,05 milhões.


O boletim trouxe um aumento na produção de milho da Ucrânia de 25 para 27,5 milhões de toneladas, e os estoques finais passaram de 1,39 para 3,89 milhões de toneladas.

Já as safras brasileira e argentina se mantiveram em 129 milhões e 54 milhões de toneladas, respectivamente.

1 visualização0 comentário

Comentarios


bottom of page